fbpx
Voltar Exames

Imunofenotipagem para Hemoglobinúria Paroxística Noturna – HPN

PARA QUE SERVE?

A Hemoglobinúria Paroxística Noturna é uma doença rara não maligna, resultante de uma mutação somática do gene PIG-A, que codifica uma enzima âncora denominada GPI.
A alteração na síntese desta enzima leva a carência parcial ou total de ancoragem de algumas proteínas à membrana celular, ocasionando o desenvolvimento de hemólise intravascular crônica, devido à sensibilidade aumentada das hemácias deficientes em GPI ao ataque do sistema complemento. A Citometria de Fluxo é o método padrão ouro para o diagnóstico de HPN, devido a maior sensibilidade e especificidade para quantificar a deficiência das proteínas associadas à molécula GPI.


MÉTODO

Citometria de Fluxo


AMOSTRA BIOLÓGICA

Sangue Periférico (4 a 5ml)


ANTICOAGULANTE

EDTA


PRAZO DO LAUDO

5 dias úteis


CÓDIGO TUSS

40304710


CÓDIGO MANTIS

IF002


 

Doenças Relacionadas:

 

 

Whatsapp