Voltar Exames

Câncer Hotspots – Tumor sólido

GENE

AKT1, ALK, BRAF, DDR2, EGFR, ESR1, ERBB2 (HER2), FGFR1, KIT, KRAS, MAP2K1, MET, NRAS, NTRK1, PTEN, PDGFRA, PIK3CA, ROS1 e RICTOR.

Alteração do número de cópias – CNVs (amplificação e deleção): EGFR, ERBB2 (HER2), FGFR1, MET e RICTOR.


PARA QUE SERVE?

O Exame identifica os principais genes acionáveis envolvidos no tratamento de drogas alvo em diversos tipos de câncer. O DNA tumoral circulante (ctDNA) carrega as mesmas informações genéticas do próprio câncer, portanto, as mesmas mutações das células neoplásicas, isso faz com que a biópsia liquida consiga detectar, de forma não invasiva o material originário do tumor em pacientes com câncer. Assim o exame funciona como uma alternativa perante a biópsia tecidual para a identificação de alterações genéticas que sejam clinicamente acionáveis para o tratamento e monitoramento (mecanismos de resistência) para o uso de drogas alvo.


MÉTODO

NGS


AMOSTRAS BIOLÓGICOS

Biópsia de tumor em bloco de parafina (TFIP)


PRAZO

24 dias úteis


CÓDIGO MANTIS

BM095


CÓDIGO TUSS

40503801


 

Doenças Relacionadas: